> Marketing & Vendas

festa junina

oportunidades para o setor de panificação e confeitaria. Data típica movimenta a economia e neste ano o cenário da COVID-19 exige adaptações por parte do empresário

Por Emerson Amaral, Presidente do Instituto de Desenvolvimento das Empresas de Alimentação (Ideal)

As festas juninas e julhinas são eventos muito tradicionais na cultura brasileira, mas a pandemia do COVID-19 impacta também na realização dos arraiais. Seja como expressão cultural, como evento social ou pela comida típica, as festas juninas movimentam a economia e são uma preciosa oportunidade de negócio. Para se ter uma ideia, no ano passado o Ministério do Turismo investiu R$ 4 milhões nas comemorações. Só em Campina Grande (PB), maior festa junina do Brasil, também em 2019, 3 milhões de pessoas participaram das festas, movimentando cerca de R$300 milhões. Cifras tão expressivas dão a dimensão da festa por todo o país e convidam para uma reflexão: uma vez que esse evento não terá essas proporções em 2020, qual o papel e espaço das padarias e confeitarias em fazer das festas juninas uma oportunidade de negócio?
Atualmente a vida social das pessoas são as mídias digitais e a pandemia evidenciou ainda mais esse comportamento. Sendo assim, a utilização de todas as redes sociais tem se intensificado muito e creio que as festas juninas serão comemoradas também por elas – a exemplo dos grandes shows transmitidos como lives dos artistas de todo o Brasil. Ainda com a flexibilização das medidas de isolamento social, o consumidor está receoso e é preciso respeitar esse momento, oferecendo alternativas seguras e ágeis de atendimento. Mas diante de toda essa situação, é possível enxergar alguma oportunidade? Claro que sim!
As comemorações por meio de refeições de pratos e quitutes juninos serão transmitidas online entre amigos e familiares e as lives serão também assistidas e acompanhadas das iguarias juninas de cada região. Como as padarias estão em funcionamento, elas serão grandes fornecedores dos produtos juninos. Portanto, é importante ficar atento a alguns pontos:
• Defina o mix de produtos a ser ofertado e inicie a produção no máximo no dia 1º de junho, mas se for possível já iniciar antes, será ainda melhor;
• Atualize os custos das receitas, pois alguns insumos têm sofrido aumento de preços devido às oscilações cambiais referentes ao dólar;
• Decore sua loja e ornamente sua equipe, pois a caracterização do ambiente contribui no estímulo às vendas. Não se esqueça do som ambiente com músicas juninas típicas de sua região. O cliente está saindo menos, mas ele ainda está nas ruas e verá o seu esforço em oferecer um ambiente agradável;

 

• Oferte kits de produtos juninos para pequenas comemorações que atendam até 5 pessoas. Lembre-se que os amigos e familiares comemorarão juntos, mas virtualmente;

• Divulgue e crie um canal de relacionamento virtual com os clientes. O delivery é essencial e o consumidor está atento às empresas que oferecem esse serviço;

• Durante o mês de junho, temos também o dia dos namorados e a troca de presentes é imprescindível, sendo o encontro virtual ou não. Monte caixas de doces, bombons, petit four, sobremesas, tortas ou qualquer produto que, com uma embalagem bonita, se transforme em um presente.  Não podemos esquecer das cestas de café da manhã ou cestas com os mais diversos produtos disponíveis em sua loja para presentear a pessoa amada. Esses presentes podem ser ainda mais impactantes se dermos um toque adicional de carinho neles, através da criação da “cesta afetiva” ou “torta afetiva”.  Veja como funciona:

• Ao comprar a cesta ou torta, o cliente irá gravar um vídeo declarando todo seu amor e enviar para o WhatsApp da padaria;

• A padaria irá gerar um QRcode com este vídeo, irá imprimi-lo e colar em um lindo cartão a ser entregue juntamente com a cesta (ou torta);

• Teremos um produto totalmente personalizado e poderemos receber encomendas de clientes que inclusive nem morem na cidade onde está localizada sua loja, mas que irão lhe encomendar para entregar para sua namorada(o).

• Através do uso do delivery, esta ação citada acima, também poderá ser um “correio elegante” utilizado nas festas juninas.

Agora que você já está inspirado, vamos falar de mix de produtos. Separei uma lista de produção própria e de revenda essenciais para esse período junino. Adapte segundo a sua necessidade e aproveite!

Estamos em um momento desafiador, em que também podemos criar oportunidades nunca antes vividas e precisamos estar preparados para nos adaptar de maneira rápida. As mudanças sempre aconteceram, mas a velocidade está a cada dia mais veloz e só permanecerão no mercado aqueles que se adaptarem aos novos modelos de consumo.

A festa tem que continuar e as empresas irão faturar. Lembre-se sempre de prezar pela saúde de seus colaboradores e clientes, oferecendo um ambiente e alimentos seguros. Saúde, sucesso e boas vendas a todos!

Rolar para cima